POLÍCIA MILITAR GANHA ACESSO A MONITORAMENTO PARA COMBATER CRIMES

Por iniciativa do prefeito Miguel Serafim (PSDB), Executivo equipou sede da corporação para que esta tenha acesso às imagens de pontos estratégicos

O 3º Grupamento da Polícia Militar de Ribeirão Corrente contará com uma nova ferramenta na prevenção de crimes na cidade a partir deste sábado (1º de julho): o monitoramento da zona urbana em tempo real através de câmeras de segurança. Por iniciativa do prefeito Miguel Serafim (PSDB), o Executivo local equipou a sede da corporação para que esta tenha acesso às imagens de pontos estratégicos. O projeto que possibilitou a Prefeitura de Ribeirão Corrente ter em suas instalações uma switch para monitorar a cidade foi firmado entre os governos Federal e Municipal, e a UFSCar (Universidade Federal de São Carlos), através do programa Cidade Digital.

“O programa tem como uma de suas finalidades modernizar a gestão pública e oferecer novos serviços e facilidades para as pessoas. E o monitoramento por câmeras é um deste serviços”, destacou o prefeito Serafim, citando o Cidade Digital, criado em 2012 pelo Ministério das Comunicações. A Prefeitura, nesta iniciativa de apoio à segurança da cidade, será a responsável por gerenciar o sistema e repassar as imagens em tempo real para a Polícia Militar.

Comandante do Grupamento de Ribeirão Corrente, o subtenente Newton César de Paula disse que o acesso às imagens do monitoramento auxiliará o trabalho dos policiais. “Com as imagens em tempo real será possível o planejamento das ações já no deslocamento para o atendimento da ocorrência. Isto representa mais segurança para todos”, frisou o oficial. Como as imagens são gravadas, o subtenente acredita também que elas poderão ajudar no esclarecimento de crimes. “O monitoramento terá impacto, principalmente, na redução de crimes patrimoniais”.

A sede do Grupamento foi preparada para receber as imagens através de uma TV de alta definição e com internet acoplada cedida pela Prefeitura. Estas imagens serão repassadas para tabletes instalados nas viaturas. “As equipes em patrulhamento preventivo poderão acompanhar tudo o que ocorre em vários pontos da cidade dentro da viatura em tempo real. Em alguns casos será possível que a viatura chegue a um local de ocorrência antes que as pessoas liguem para o 190”, destacou o subtenente Newton.

 

Compartilhar

Comentários

    Nenhum comentário registrado. Seja o primeiro!

Deixar um comenário

Atenção: seu e-mail não será publicado.

ACESSIBILIDADE

Para navegação via teclado, utilize a combinação de teclas: Alt + [ de atalho]

Atalhos de navegação:

Tamanho da Fonte/Contraste
Por Favor, aguarde...